Pesquisa personalizada

quarta-feira, 4 de maio de 2011

EBD LIÇÃO 6 - DONS QUE MANIFESTAM A SABEDORIA DE DEUS (Complementos, ilustrações, questionários e vídeos: Ev. Luiz Henrique de Almeida Silva)


 
 
 
TEXTO ÁUREO
"Assim, também vós, como desejais dons espirituais, procurai sobejar neles, para a edificação da igreja" (1 Co 14.12).
 
 
 
 
VERDADE PRÁTICA
Através dos dons da palavra de sabedoria e da ciência, o ESPÍRITO SANTO capacita-nos a conhecer fatos e circunstâncias que somente DEUS conhece.
 
 
 
 
LEITURA DIÁRIA
Segunda - Is 11.2 - O ESPÍRITO de sabedoria e inteligência
Terça - Ef 1.17 - O espírito de revelação e sabedoria
Quarta - Atos 11:28 - O conhecimento sobrenatural
Quinta - 2 Rs 6.8-17 - DEUS revela o oculto
Sexta- I Co 12.10 - Discernimento de espíritos
Sábado - 1 Jo 4.1-3 - Provai os espíritos
 
 
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE - Atos 16.16-24
16 - E aconteceu que, indo nós à oração, nos saiu ao encontro uma jovem que tinha espírito de adivinhação, a qual, adivinhando, dava grande lucro aos seus senhores. 17 - Esta, seguindo a Paulo a nós, c/amava, dizendo: Estes homens, que nos anunciam caminho da salvação, são servos do DEUS Altíssimo. 18 - E isto fez ela por muitos dias. Mas Paulo, perturbado, voltou-se disse ao espírito: Em nome de JESUS CRISTO, te mando que saias dela. E, na mesma hora, saiu. 19 - E, vendo seus senhores que a esperança do seu lucro estava perdida, prenderam Paulo Si/as os levaram à praça, à presença dos magistrados. 20 - E, apresentando-os aos magistrados, disseram: Estes homens, sendo judeus, perturbaram a nossa cidade. 21 - E nos expõem costumes que nos não é lícito receber nem praticar, visto que somos romanos. 22 - E a multidão se levantou unida contra eles, os magistrados, rasgando-lhes as vestes, mandaram açoitá-los com varas. 23 - E, havendo-lhes dado muitos açoites, os lançaram na prisão, mandando ao carcereiro que os guardasse com segurança, 24 - o qual, tendo recebido tal ordem, os lançou no cárcere interior eIhes segurou os pés tronco.
 
16.16 ESPÍRITO DE ADIVINHAÇÃO. As expressões vocais demoníacas da jovem escrava eram consideradas a voz de um deus; por isso, os serviços dela como adivinha eram muito procurados, dando grande lucro aos seus donos. Através de Paulo, CRISTO demonstrou aqui, mais uma vez, seu poder sobre o império do mal.
16.23 HAVENDO-LHES DADO MUITOS AÇOITES. A lei judaica sobre castigo por açoites prescrevia até quarenta açoites para o culpado, dependendo do juiz (Dt 25.2,3). O costume judaico era usar o chicote com três a cinco tiras de couro presas a um cabo curto. Aqui trata-se do costume romano (v.21) que usava a vara. Os açoites eram aplicados ao corpo desnudo do preso (vv. 22,23). Dependendo do juiz romano, este castigo podia ser terrivelmente cruel, por não estar fixado em lei o número de açoites por castigo. Muitas vezes o preso morria em conseqüência dos açoites. Os açoites de Paulo em 2 Co 11.24,25 abrangem tanto o açoitamento judaico (v. 24 recebi dos judeus ), como o romano (v. 25 fui açoitado com varas ). Em 2 Co 11.24 vemos a crueldade dos judeus contra Paulo neste tipo de castigo. Davam-lhe 39 açoites para que pudessem depois aplicar-lhe idêntico castigo, uma vez que a lei mosaica limitava a 40 o total de açoites (Dt 25.3). Certamente foi nas sinagogas que Paulo mais sofreu o açoitamento dos judeus, pois ele costumava freqüentá-las para pregar a CRISTO. Os judeus não tinham autoridade para decretar pena de morte por estarem sob domínio romano, mas podiam castigar.
16.25 ORAVAM E CANTAVAM HINOS. Paulo e Silas estavam sofrendo a humilhação do encarceramento, tendo seus pés presos ao tronco e as costas laceradas por açoites. No meio desse sofrimento, no entanto, oravam e cantavam hinos de louvor a DEUS (cf. Mt 5.10-12). Aprendemos da experiência missionária deles:
(1) que a alegria do crente vem do interior e independe das circunstâncias externas; a perseguição não pode destruir nossa paz e nossa alegria (Tg 1.2-4);
(2) que os inimigos de CRISTO não poderão destruir a fé em DEUS e o amor por Ele que o crente tem (Rm 8.35-39);
(3) que mesmo no meio das piores circunstâncias, DEUS dá graça suficiente àqueles que estão na sua vontade e que sofrem por amor ao seu nome (Mt 5.10-12; 2 Co 12.9,10); (4) que sobre aqueles que sofrem por amor ao nome de CRISTO, repousa o ESPÍRITO da glória de DEUS (1 Pe 4.14).
16.26 FORAM SOLTAS AS PRISÕES DE TODOS. Por todo o livro de Atos, Lucas enfatiza que nada pode impedir o avanço do evangelho de CRISTO quando propagado por crentes fiéis. Em Filipos, DEUS interveio, e Paulo e Silas foram libertos por um terremoto enviado por Ele. O resultado foi um maior progresso do evangelho, destacando-se a salvação do carcereiro e de todos os seus familiares (vv. 31-33).
16.30 QUE É NECESSÁRIO QUE EU FAÇA PARA ME SALVAR? Esta é a pergunta mais importante que alguém se pode fazer. A resposta dos apóstolos é: Crê no Senhor JESUS CRISTO (v. 31).
(1) Crer no Senhor JESUS é achegarmo-nos a Ele como o nosso vivo e divino Redentor, nosso Salvador da condenação eterna e o Senhor da nossa vida. É crer que Ele é o Filho de DEUS enviado pelo Pai e que tudo quanto Ele é verdadeiro e final para a nossa vida. É crer que Ele perdoa os nossos pecados, torna-nos seus filhos, dá-nos o ESPÍRITO SANTO e está sempre presente conosco para nos ajudar, guiar, consolar e nos levar até ao céu.
(2) A fé salvífica é muito mais do que crer em verdades a respeito de CRISTO. Ela nos aproxima dEle, faz-nos permanecer nEle e entregar-lhe nossa vida conturbada, na confiança de que Ele, sua Palavra e o ESPÍRITO SANTO nos conduzirão através desta vida à gloriosa presença do Pai.
 
Fruto do ESPÍRITO - Batismo No ESPÍRITO - Dons do ESPÍRITO
O fruto é implantado no crente no momento de sua conversão e o recebemos pela graça de DEUS e sem merecimento - Pegue uma laranja com nove gomos como exemplo - No momento da conversão se recebe a laranja para que bebamos dos nove gomos em nossa caminhada cristão. Podemos beber muito de um gomo e de outro não, mas seguramente beberemos de todos, pelo menos um pouco de cada. se bebermos muito do primeiro que é o amor, seguramente beberemos muito de todos os outros.
Quanto ao batismo recebemos pela graça de DEUS e sem merecimento. JESUS quer batizar-nos desde o momento de nossa conversão, assim como o fruto nos foi implantado desde esse momento. O ESPÍRITO SANTO já está habitando em nós a partir daí - O problema é deixarmos que o ESPÍRITO SANTO fale através de nossa língua (membro difícil de ser domado) - O problema é deixarmos que o ESPÍRITO SANTO controle nosso ser, nosso eu, que ELE nos use para ganharmos almas; só assim poderemos ser revestidos de poder para sermos testemunhas de CRISTO.
Quanto aos dons, recebemos pela graça de DEUS e sem merecimento, à medida que acreditamos na ação sobrenatural do ESPÍRITO SANTO e nos dispomos a ser Seu canal de poder para operação de seus dons. Temos que desejar os dons e abundar neles. Temos que dar a vida pelos outros. ser usado em dons significa ser criticado, odiado, perseguido e tudo isso por causa dos outros. para que possamos ser usados nos dons temos que amar aos outros como a nós mesmos e sacrificarmos nossa vida por eles. Jejuar, orar e estudar muito.
 
INTRODUÇÃO
"Porque os dons e a vocação de DEUS são sem arrependimento" (Rm 11.29).
Estamos em plena crise de dons na igreja - enquanto uns pouquíssimos são usados em vários dons, a grande maioria da igreja nem mesmo sabe diferenciar entre um dom e outro. A bíblia afirma: "Todos podeis profetizar...", mas a realidade é que quase nenhum profetiza.
"Porque todos podereis profetizar, uns depois dos outros; para que todos aprendam, e todos sejam consolados." - Paulo, (I Coríntios, 14:31)
 
Os dons são concedidos pelo nosso desejo em dar espaço ao ESPÍRITO SANTO de agir em nossa vida e trabalho na obra de DEUS.
A vontade de DEUS não exclui de modo algum o desejar por parte do crente estes dons, de fato Paulo diz várias vezes para ambicionar os dons espirituais: "Desejai ardentemente os maiores dons" (1 Cor. 12:31), "procurai abundar neles, para edificação da igreja" (1 Cor. 14:12), diz Paulo. Estes dons devem ser objeto de busca por parte de todos nós, ninguém está excluído. Não há uma categoria de crentes que está excluída desta busca. Todos devem estar envolvidos nela. Quem não os deseja na realidade não quer que a Igreja seja edificada pela manifestação do ESPÍRITO. Ele não quer que a Igreja de hoje seja edificada por meio dos dons, como o era a igreja antiga.
 
Para estudarmos os dons os dividimos em 3 grupos:
DONS DE REVELAÇÃO
DONS DE PODER
DONS DE INSPIRAÇÃO OU DA FALA
 
Hoje vamos estudar sobre dons de revelação:
 
DONS DE REVELAÇÃO (REVELAM ALGO OCULTO OU DESCONHECIDO SOBRENATURALMENTE).
São três - Palavra de sabedoria, Palavra de conhecimento ou da ciência e Discernimento de espíritos.
Essas manifestações do ESPÍRITO SANTO são sobrenaturais, não devemos confundir os dons com sabedoria adquirida com estudo de livros, revistas, pesquisas na internet ou cursos de homilética, hermenêutica, lingüística ou qualquer outra disciplina.
 
 
1- Palavra de sabedoria:
Palavra= pequena parte da sabedoria de DEUS; acontecimento futuro, só DEUS sabe; tem a ver com a onisciência de DEUS. JESUS sabia todas as cosias que estavam por vir. O profeta Ágabo (novo testamento tem profeta) revelava uma seca na Judéia que aconteceu realmente pouco tempo depois e a prisão de Paulo, tudo no futuro.
Aqui, estamos estudando sobre revelações futurísticas que são dadas pelo ESPÍRITO SANTO, de repente, sem um prévio aviso ou estudo.
Esta revelação pode ser dada por meio de uma visão, de um sonho, ou por meio de uma voz escutada também.
 
Exemplos:
JESUS:
"Daquele dia e hora, porém, ninguém sabe, nem os anjos do céu, nem o Filho, senão só o Pai. Pois como foi dito nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem. Porquanto, assim como nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca, e não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos; assim será também a vinda do Filho do homem. Então, estando dois homens no campo, será levado um e deixado outro; estando duas mulheres a trabalhar no moinho, será levada uma e deixada a outra. Vigiai, pois, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor; sabei, porém, isto: se o dono da casa soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Por isso ficai também vós apercebidos; porque numa hora em que não penseis, virá o Filho do homem." (Mt 24: 36-44)
 
Exemplo em Atos dos apóstolos:
Profeta Ágabo a respeito de uma grande fome
Atos 11:28 e levantando-se um deles, de nome Ágabo, dava a entender pelo ESPÍRITO, que haveria uma grande fome por todo o mundo, a qual ocorreu no tempo de Cláudio.
Profeta Ágabo a respeito de Paulo
Atos 21:11 e, vindo ter conosco, tomando o cinto de Paulo, ligando com ele os próprios pés e mãos, declarou: Isto diz o ESPÍRITO SANTO: Assim os judeus, em Jerusalém, farão ao dono deste cinto e o entregarão nas mãos dos gentios.
Paulo em viagem para Roma
"Atos 27.34 Rogo-vos, portanto, que comais alguma coisa, porque disso depende a vossa segurança; porque nem um cabelo cairá da cabeça de qualquer de vós.".
Paulo sobre arrebatamento:
I Co 15:51 "Eis aqui vos digo um mistério: Nem todos dormiremos mas todos seremos transformados".
 
Sobre 1 Rs 3.16-28 - Não concordo com o autor da revista nesse ponto.
Salomão, por exemplo, usou a sabedoria divina ao julgar o caso daquelas mulheres que lutavam pela posse de um recém-nascido (1 Rs 3.16-28). Todos os que ouviram a sentença do rei temeram ao Senhor, pois sabiam que sobre o monarca atuara uma sabedoria sobrenatural vinda diretamente de DEUS (1 Rs 3.28). Como carecemos desse dom! Muitos problemas, tidos como insolúveis, seriam prontamente resolvidos entre nós, na obra de DEUS, em toda sua abrangência.
 
Não concordamos aqui com o autor da revista - Não foi revelado por uma manifestação sobrenatural quem era a mãe da criança, mas com a sabedoria concedida por DEUS a Salomão ele pode armar uma estratégia para descobrir quem era a mãe verdadeira, portanto não é uma manifestação de um dom do ESPÍRITO SANTO, mas uma sabedoria humana aumentada por DEUS.

Um exemplo aqui de Palavra de Sabedoria no AT poderia ser II Reis 3.16, 20:
Eliseu, solicitou a presença de um músico. Queria enlevar o espírito. Sentir-se inspirado: "E sucedeu que, tocando o músico, veio sobre ele a mão do Senhor. E disse: "Assim diz O Senhor, fazei neste vale, muitas covas".
"E sucedeu que, pela manhã, oferecendo-se a oferta de alimentos, eis que vinham as águas pelo caminho de Edom; e a terra se encheu de água".
 
 
2- Palavra de conhecimento ou da ciência:
Palavra = pequena parte do conhecimento de DEUS, revelação de coisa conhecida; tem a ver com onipresença de DEUS. (pode ser coisa conhecida por pessoas em outra parte ou localidade, que é revelada aqui onde estamos). JESUS via Natanael debaixo de uma figueira sem nem mesmo estar na mesma cidade. Eliseu sabia todas as estratégias de guerra do inimigo sem nem mesmo estar perto de seu acampamento.
 
Exemplos:
JESUS:
Jo 1.48 Perguntou-lhe Natanael: Donde me conheces? Respondeu-lhe JESUS: Antes que Felipe te chamasse, eu te vi, quando estavas debaixo da figueira.
João 4:16-19 JESUS disse à mulher samaritana: "Vai, chama o teu marido e vem cá. A mulher respondeu, e disse: Não tenho marido. Disse-lhe JESUS: Disseste bem: Não tenho marido; porque tiveste cinco maridos, e o que agora tens não é teu marido; isso disseste com verdade. Disse-lhe a mulher: Senhor, vejo que és profeta"
 
Eliseu sobre conversas escondidas:
2 Rs 6.12 E disse um dos servos: Não, ó rei meu senhor; mas o profeta Eliseu, que está em Israel, faz saber ao rei de Israel as palavras que tu falas no teu quarto de dormir.
Exemplo em Atos dos apóstolos:
Pedro, Ananias e Safira
Atos 5.4 “Enquanto o possuías, não era teu? E vendido, não estava o preço em teu poder? Como, pois, formaste este desígnio em teu coração? Não mentiste aos homens, mas a DEUS”.
 
 
3- Discernimento de espíritos:
Saber de onde vem e o que está operando numa pessoa. JESUS enxergava a fé dentro das pessoas. Tem a ver com a onipotência de DEUS (Aqui se expulsa demônios e se vence forças e idéias malignas). Paulo enxergou um demônio falando a verdade a seu respeito, mas com o intuito de ganhar crédito para suas adivinhações.
 
Exemplo:
JESUS:
"E JESUS, vendo-lhes a fé, disse ao paralítico: Filho, perdoados são os teus pecados."(Mc 2:5).
 
Exemplo em Atos dos apóstolos:
Paulo e a pitonisa:
" E fazia isto por muitos dias. Mas Paulo, perturbado, voltou-se e disse ao espírito: Eu te ordeno em nome de JESUS CRISTO que saias dela. E na mesma hora saiu."(At 16:18).
 
Para julgar profecias esse dom é imprescindível.
1Co 14.26 - "E falem dois ou três profetas, e os outros julguem".
O julgamento de manifestações espirituais é uma ordenança bíblica. O apóstolo João escreveu: "Amados, não creiais em todo espírito, mas provai se os espíritos são de DEUS, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo"(1Jo 4.1). O discernimento é uma necessidade para a igreja dos dias atuais, pois há um verdadeiro bombardeio de modismos doutrinários, heresias e misticismos antibíblicas. Em meio a essa confusão da espiritualidade pós-moderna, a "profecia", ou melhor, a profetada é um dos meios em que muitas heresias têm sido gerada.
Como saber se determinada manifestação espiritual vem do ESPÍRITO de DEUS, do espírito humano ou de Satanás? Somente com o discernimento dado pelo ESPÍRITO SANTO.
 
Esse dom também tem a ver com o discernimento para se distinguir a fonte do falar em línguas espirituais (ou estranhas).
- se aquele que fala em línguas está falando na carne (fingindo ser batizado, ou aquele que aprendeu a repetir palavras como se fossem em línguas espirituais),
- se aquele que fala em línguas está falando de DEUS (foi realmente batizado)
- ou se fala imitações de Satanás, através de demônios que imitam o falar em línguas verdadeiro.
 
A própria pregação e/ou ensino deve ser ouvida e julgada para se discernir entre a pregação/ensino que vem de DEUS ou a que vem do homem ou a que vem do Diabo.
 
Mediante este dom o ESPÍRITO SANTO capacita o crente de discernir a presença de espíritos malignos em pessoas ou próximo de pessoas ou ver os espíritos enquanto operam malvadamente. Existem espíritos de vários generos, isto é, ocupados a fazer várias formas de mal. Existem espíritos que provocam mudez e surdez como aquele expulso daquele menino epiléptico por JESUS, de fato JESUS lhe disse: "ESPÍRITO mudo e surdo, eu te ordeno: Sai dele, e não entres mais nele" (Mar. 9:25). De modo que nestes casos para que a cura se faça é necessário discernir o espírito ou os espíritos que provocam as doenças para depois expulsá-lo ou expulsá-los em nome de CRISTO JESUS. Existem espíritos enganadores que estão ocupados a enganar; Paulo diz de fato que em dias vindouros "alguns apostatarão da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores…." (1 Tim. 4:1). Destes espíritos existem já muitos no seio do povo de DEUS; mediante eles toda a sorte de falsa doutrina é ensinada a certos crentes. Existem espíritos que fazem sinais e prodígios; João viu alguns deles em visão: "E da boca do dragão, e da boca da besta, e da boca do falso profeta, vi sair três espíritos imundos, semelhantes a rãs. Porque são espíritos de demônios, que operam sinais; os quais vão ao encontro dos reis de todo o mundo, para os congregar para a batalha do grande dia do DEUS Todo-Poderoso" (Ap. 16:13-14).
 
 
 
 
OBJETIVOS - Após esta aula, o aluno deverá estar apto a:
Relacionar os dons do ESPÍRITO SANTO conforme 1 Co 12.8-10.
Explicar o que é o dom da palavra de sabedoria, palavra de ciência e discernimento de espíritos.
Compreender a importância de estarmos atentos e munidos dos dons espirituais.
 
 
 
 
ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA
Professor, reproduza o esquema abaixo e distribua para os alunos. Ao introduzir o tópico 11 da lição, fale a respeito dos tipos de sabedorias que influenciam o homem na sociedade hodierna: sabedoria satânica, sabedoria humana e sabedoria divina.
Explique, que a sabedoria divina não pode ser confundida com o "dom da palavra da sabedoria", pois esta é uma habilitação sobrenatural do ESPÍRITO Sano to. Enfatize que todo crente deve buscar sabedoria em DEUS através das Escritura Sagradas. Boa aula!
 
 
 
 
 
RESUMO DA LIÇÃO 6 - DONS QUE MANIFESTAM A SABEDORIA DE DEUS
I. OS DONS DO ESPÍRITO SANTO
1. Os dons espirituais.
2. Classificação dos dons.
3. A escassez dos dons espirituais.
II- A PALAVRA DA SABEDORIA
1. A Sabedoria satânica.
2. A sabedoria de DEUS.
3. O dom da palavra de sabedoria.
III- A PALAVRA DA CIÊNCIA E O DISCERNIMENTO DE ESPÍRITOS
1. O dom da palavra da ciência.
2. O discernimento de espíritos.
3. A importância do dom de discernimento.
 
 
SINOPSE DO TÓPICO (1)
Os dons do ESPÍRITO SANTO, podem ser classificados em três categorias manifestação da sabedoria de DEUS; manifestação do poder de DEUS e manifestação da mensagem de DEUS.
SINOPSE DO TÓPICO (2)
O dom da palavra de sabedoria é a operação sobrenatural do ESPÍRITO SANTO na mente humana, objetivando, resolver problemas insolúveis.
SINOPSE DO TÓPICO (3)
O dom da palavra da ciência e o discernimento de espíritos são capacidades sobrenaturais que o ESPÍRITO SANTO concede, ao crente, para conhecer fatos ocultos.
 
BIBLIOGRAFIA SUGERIDA
Cátedra: Matéria ou disciplina ensinada por um professor.
HORTON. Stanley M. 1& 11 Coríntios: Os Problemas da Igreja suas Soluções. I. ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2003.
HORTON, Stanley M. et ai. Teologia Sistemática: Uma Perspectiva Pentecostal. 10. ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2006.
 
Veja mais na revista Ensinador Cristão CPAD, nº 46, p. 39.
 
 
QUESTIONÁRIO DA LIÇÃO 6 - DONS QUE MANIFESTAM A SABEDORIA DE DEUS
RESPONDA CONFORME A REVISTA DA CPAD DO 2º TRIMESTRE DE 2011
Complete os espaços vazios e marque com "V" as respostas corretas e com "F" as falsas.
 
TEXTO ÁUREO
1- Complete:
"Assim, também vós, como ________________________ dons espirituais, procurai ______________________ neles, para a _______________________ da igreja" (1 Co 14.12).
 
VERDADE PRÁTICA
2- Complete:
Através dos dons da palavra de ______________________ e da __________________________, o ESPÍRITO SANTO capacita-nos a _______________________ fatos e circunstâncias que somente DEUS conhece.
 
INTRODUÇÃO
3- Através desses dons espirituais, a Igreja de CRISTO passa a conhecer as coisas de que forma?
(    ) De forma natural.
(    ) De forma sobrenatural.
(    ) De forma antinatural.
 
I. OS DONS DO ESPÍRITO SANTO
4- Qual a diferença mais notável entre os verdadeiros e os falsos dons?
(    ) Os verdadeiros são vistos e aceitos por toda a igreja.
(    ) É a rejeição, ou a aceitação, do senhorio de CRISTO.
(    ) Somente os autênticos servos de CRISTO aceitam-no como Salvador e Senhor.
 
5- Como os dons podem ser classificados, para uma melhor compreensão?
(    ) Dons que manifestam a soberania de DEUS; Dons que manifestam o poder de DEUS; e Dons que manifestam a presença de DEUS.
(    ) Dons que manifestam a santidade de DEUS; Dons que manifestam o poder de DEUS; e Dons que manifestam a vontade de DEUS.
(    ) Dons que manifestam a sabedoria de DEUS; Dons que manifestam o poder de DEUS; e Dons que manifestam a mensagem de DEUS.
 
6- Como poderemos receber os dons (Rm 12.6)?
(    ) Os dons só podem ser recebidos por quem os merece.
(    ) As dádivas de DEUS só podem ser recebidas pela fé mediante a ação do ESPÍRITO SANTO.
(    ) Na Igreja Primitiva, onde o temor de DEUS e a reverência eram abundantes, os dons espirituais manifestavam-se com regularidade e freqüência.
 
II- A PALAVRA DA SABEDORIA
7- Como é a sabedoria satânica?
(    ) É de uma inteligência e bondade espantosas, por isso engana a muitos.
(    ) Apesar de sábio, não é onisciente.
(    ) Astuto como é, usa de toda a sua sagacidade para induzir o ser humano a fazer-lhe a vontade.
 
8- Como é a sabedoria de DEUS?
(    ) Onisciente e onipresente, a sabedoria de DEUS é limitada ao tempo, pois dEle procede todo conhecimento..
(    ) Onisciente e onipotente, a sabedoria de DEUS é ilimitada, pois dEle procede todo contentamento.
(    ) Onisciente e onipresente, a sabedoria de DEUS é ilimitada, pois dEle procede todo conhecimento.
 
9- Qual sabedoria não deve ser confundida com o dom do ESPÍRITO SANTO conhecido como a palavra de sabedoria?
(    ) João afirma que o Senhor concede o dom da sabedoria aos que lhe pedem.
(    ) Pedro afirma que o Senhor concede sabedoria aos que lhe suplicam.
(    ) Tiago afirma que o Senhor concede sabedoria aos que lhe pedem..
 
10- Como é o dom palavra de sabedoria? Complete:
A palavra de sabedoria é o _______________________ dos nove dons espirituais mencionados pelo apóstolo Paulo em 1 Coríntios, capítulo 12. Não se trata de habilidade ___________________________ ou acúmulo de _________________________ através de estudos e pesquisas; trata-se de uma operação __________________________ do ESPÍRITO SANTO sobre a mente humana, tornando-a capaz de resolver problemas tidos como insolúveis (1 Co 12.8).
 
11- Dê um exemplo da sabedoria divina sendo exercida no Antigo Testamento: Complete:
Salomão, por exemplo, usou a sabedoria _____________________ ao julgar o caso daquelas mulheres que lutavam pela posse de um recém-nascido (1 Rs 3.16-28). Todos os que ouviram a sentença do rei temeram ao ______________________, pois sabiam que sobre o monarca atuara uma sabedoria ___________________________ vinda diretamente de DEUS (1 Rs 3.28). Como carecemos desse dom! Muitos problemas, tidos como insolúveis, seriam prontamente resolvidos entre nós, na obra de DEUS, em toda sua ___________________________.
 
III- A PALAVRA DA CIÊNCIA E O DISCERNIMENTO DE ESPÍRITOS
12- Como é o dom palavra da ciência? Paulo não se referia evidentemente ao conhecimento científico que se adquire nas cátedras das universidades; a que se referia então?
(    ) Referia-se ele à capacidade sobrenatural concedida diretamente pelo ESPÍRITO SANTO, que nos habilita a conhecer fatos e circunstâncias que se acham ocultos.
(    ) Em Atos 6 o ESPÍRITO SANTO revelou a Pedro, através da palavra do conhecimento, o que Ananias e Safira haviam feito publicamente.
(    ) Em Atos 5 o ESPÍRITO SANTO revelou a Pedro, através da palavra da ciência, o que Ananias e Safira haviam feito em segredo.
 
13- Dê um exemplo de Palavra da ciência no Antigo Testamento: Complete:
(2 Rs 6.12) E disse um dos servos: Não, ó rei meu senhor; mas o profeta ___________________________, que está em __________________________, faz saber ao rei de Israel as palavras que tu falas no teu ____________________________ de dormir.
 
14- Como é o dom discernimento de espíritos? Complete:
Discernir significa distinguir, estabelecer ____________________________. O ESPÍRITO SANTO concede o dom de discernir, a fim de que não sejamos enganados por espíritos e manifestações espirituais que, apesar das aparências, não se originam em DEUS, mas em fontes _____________________________ e carnais (1 Co 12.10).
Num universo religioso, como o atual, onde há tantas ____________________________ e fingimentos, faz-se urgente essa capacidade sobrenatural que nos concede o ESPÍRITO SANTO, para sabermos as proveniências dos ____________________________.
 
15- Qual a recomendação do apóstolo João a respeito das manifestações sobrenaturais? Complete:
"Amados, não creiais em todo _______________________, mas provai se os espíritos são de __________________, porque já muitos falsos ____________________ se têm levantado no mundo" (1 Jo 4.1).
 
16- A importância do dom de discernimento. Complete:
Está ocorrendo operação dos falsos doutores e profetas que, usados por ___________________________, ostentam uma aparente ________________________ e operam maravilhas com o objetivo de enganar os escolhidos (Mt 24.24). Por isso, afirma John Stott, "de todos os dons espirituais, um dos que mais devemos desejar é seguramente o de ________________________". Leia e medite em 2 Timóteo 3.1-9 e 2 Pedro 2.1-3.
 
CONCLUSÃO
17- Complete:
Os dons que manifestam a _______________________ divina têm por objetivo não permitir que sejamos _______________________ e caiamos no erro. Satanás é o enganador. Ele mudou suas táticas, porém continua a trabalhar dia e noite para destruir a Igreja do Senhor. Estejamos atentos, munidos dos dons espirituais e revestidos da _____________________ de DEUS contra as astutas ciladas do Diabo (Ef 6.11 ). Reavivemos, pois, o ______________________ que há em nós (2 Tm 1.6).
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário